©2019 by Dr. Vitor Ferreira.

    Tratamento do aneurisma da aorta abdominal




    O tratamento do aneurisma da aorta depende sobretudo do tamanho do aneurisma.


    Nos aneurismas com menos de 5.5cm de maior diâmetro (nas mulheres por vezes usa-se critérios de tamanho mais baixo, entre os 5 e os 5.5cm), não está recomendando o tratamento cirúrgico.


    No caso da identificação de um aneurisma que tenha dimensão menor que 5.5cm é fundamental o controlo dos factores de risco, medicamentos anti-hipertensivos para diminuição a pressão arterial, tratamento do colesterol e aspirina para reduzir eventos cardiovasculares. No caso dos fumadores, a suspensão do tabaco é uma das medidas mais importantes. O tabaco parece ser o principal factor de risco para desenvolvimento, crescimento e rotura do aneurisma.


    Nestes doentes será feito o segmento regular da dimensão do aneurisma com ecodoppler aórtico. Trata-se de um exame não invasivo, sem radiação, e que por isso não apresenta risco de ser repetido várias vezes ao longo dos anos de seguimento.


    No caso de aneurismas com mais de 5.5cm é necessário avaliação com um cirurgião vascular para avaliar as condições anatómicas de tratamento e definir qual o tipo de tratamento mais indicado.




    Cirurgia tradicional (cirurgia aberta do aneurisma da aorta)



    A cirurgia aberta do aneurisma da aorta abdominal consiste na substituição cirúrgica do segmento da aorta afectado por uma prótese vascular. É uma cirurgia realizada sob anestesia geral através de uma incisão no abdómen.


    É uma cirurgia invasiva, com riscos que deverão ser discutidos na consulta com o Cirurgião Vascular, e constitui um tratamento com eficácia comprovada e duradoura. É o tratamento recomendado nos doentes mais jovens e com melhor risco cirúrgico.


    Cirurgia endovascular (EVAR)




    A cirurgia endovascular - EVAR - Endovascular Aneurysm Repair - é um tratamento menos invasivo que é realizado através de técnicas de cateterismo. É colocada uma prótese por via interna, guiada por raio-X, através da punção das artérias femorais (na região inguinal). O tipo de anestesia depende das condições de risco do doente sendo utilizadas várias modalidades (desde a anestesia geral, loco-regional ou em alguns casos anestesia local apenas). O internamento é mais curto que na cirurgia aberta convencional, sendo habitualmente 1 a 2 dias.



    Como é feita a escolha do tratamento?


    A escolha da técnica de tratamento do aneurisma depende de múltiplos factores, incluindo a idade, factores de risco, estado geral de saúde da pessoa, além da anatomia da aorta e do aneurisma. A decisão da técnica de tratamento deve ser feita em consulta com o Cirurgião Vascular, tomando em consideração as vantagens de desvantagens de cada técnica.



    Outros artigos relacionados:


    Aneurisma da aorta abdominal. O que é?

    Rastreio de aneurisma da aorta abdominal? Quem e quando se deve fazer?

    6 views

    Famalicão

    arrow&v